1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

Governo Eclesiástico

As Igrejas Reformadas do Brasil só reconhecem uma assembléia eclesiástica permanente: o Conselho da Igreja.

O Conselho da Igreja é composto por ministros da palavra, presbíteros e diáconos. Os ministros da palavra, e os presbíteros, se reúnem para tratar de questões de pastoreamento e disciplina. Os diáconos se reúnem para tratar de questões que tem a ver com a ajuda aos necessitados, o consolo dos doentes, e a promoção da comunhão dos santos. Questões importantes, como o chamamento de um pastor ou a eleição de novos oficiais, são tratadas numa reunião do Conselho inteiro, com os três tipos de oficiais presentes.

O Conselho é a mais alta autoridade na Igreja, debaixo de Cristo. As assembléias eclesiásticas têm uma autoridade derivada e delegada. Por estarem vivendo em aliança umas com as outras, as Igrejas livremente prometem se submeter às decisões dos Concílios, desde que estas decisões não firam a Palavra de Deus, as Confissões, e o Regimento.

As Igrejas Reformadas fazem questão de evitar a criação de uma burocracia hierárquica como aconteceu nos séculos antes da Grande Reforma. Portanto, o Regimento é bem simples, se limitando aos princípios mais básicos que regem a sua vida em confederação. O Regimento que usamos tem sua origem no século XVI, e foi revisado pelo Grande Sínodo de Dort.

Quem está online

Temos 25 visitantes e Nenhum membro online

Instituto João Calvino

O Instituto João Calvino (também chamado "Centro de Estudos Teológicos das Igrejas Reformadas do Brasil") é um projeto de educação teológica que visa a preparação de homens para os oficios na igreja de Cristo. Curta a página no Facebook!

Catecismo de Heidelberg

 

É com imensa alegria que comunicamos, que para o a comemoração dos 450 anos do Catecismo de Heidelberg, foi criado um site sobre o mesmo e uma página no Facebook para reunirmos materiais relacionados ao mesmo. Visite o site!